“Impossible Burger”, como pode um hambúrguer vegano ter o gosto idêntico ao da carne?

764

Ele possui a aparência, a textura, saber muito semelhantes ao hambúrguer feito com a carne de boi. Como pode uma coisa dessas? Ele possui algum ingrediente secreto 🙊🙉🙈 que faz seu gosto idêntico ao da carne?

Abrasileirando, o “hambúrguer impossível” é uma febre nos Estados Unidos por ser vegano. Ele possui a coloração vermelha por dentro (só faltou escorrer sangue agora?!), e muitos dos restaurantes norte-americanos estão incluindo este famoso “veggie burger” em seu cardápio. Até a famosíssima rede de fast food, Burger King, vai criar o “Impossible Whopper”, fazendo menção ao hambúrguer que é seu carro-chefe em vendas.

Surpreendendo a todos, uma rede de fast food terá um hambúrguer 100% vegano. A empresa que lançou esse hambúrguer que possui o gosto idêntico ao da carne é a Impossible Foods. Que fez com que as pessoas se apaixonassem pela sua receita a base de proteína de trigo, óleo de coco, proteína de batata e heme. 

Sim, heme. É o que está deixando os consumidores ainda mais intrigados. Se você nem conhece o heme,  há duas formas de ferro, o ferro heme e o ferro não heme. O primeiro, é encontrado especialmente na carne vermelha e no fígado de todos os animais, assim como na carne das aves, peixes e nos ovos. O ferro não-heme, é encontrado nas verduras de folhas escuras. 

O que o Impossible Burger consegue é possuir o ferro heme sem possuir carne vermelha em si. Pat Brown, CEO and Founder, Impossible Foods, afirma que este é o composto que dá o gosto idêntico ao da carne de verdade.

Ele anteriormente já havia falado que o hambúrguer é feito de ingredientes vegetais que qualquer pessoa já utiliza na cozinha e come tranquilamente a anos: proteínas vindas da batata, do trigo e da soja, além do óleo de coco. Ele também é uma combinação de nutrientes, vitaminas, aminoácidos, açúcares, ferro e minerais, que são encontrados em qualquer outro alimento saudável. 

Ainda assim, as pessoas ficam abismadas em como TUDO nele é idêntico ao hambúrguer feito de carne de boi convencional, as pessoas muitas vezes não acreditam. Porém a empresa Impossible Foods descobriu que uma única molécula (o heme), é primariamente responsável por gerar um sabor inconfundível de carne cozida mesmo não sendo carne em si.

O grupo heme, na hemoglobina, dá ao nosso sangue o poder de transportar o oxigênio por todo o corpo. Em músculo de mamíferos, o composto dá à carne crua seu sabor e aspecto “sangrento”. E a liberação de heme durante o cozimento catalisa a explosão de sabores e aromas que fazem com que os hambúrgueres ou qualquer tipo de carne tenham o gosto idêntico ao da carne.

A Impossible Foods descobriu que um certo composto vegetal contém heme também: o leg-hemoglobina. A companhia extrai heme das plantas e multiplica o composto usando técnicas de fermentação. Embora eles possam ter extraído o heme diretamente das plantas, o uso desse processo de fermentação economiza água e gases do efeito estufa. Olha que sustentável!

O “Impossible Burger” utiliza 75% menos água, gera 87% menos gases causadores do efeito estufa, requer 95% menos terras e salva 100% dos bois e vacas.

Espero ter ajudado,

Maria Virou Eco. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite o seu nome aqui